O que fazemos

Desenvolver softwares e aplicativos de acordo com a necessidade do cliente é o nosso negócio.
Contamos com profissionais com mais de 10 anos de experiência em desenvolvimento de sistemas para os mais diversos ramos de negócio, tudo sendo realizado de forma personalizada entendendo exatamente quais necessidades para sua empresa.

Todos os projetos são desenvolvidos utilizando metodologia SCRUM adaptando ao tipo de sistema que será desenvolvido, assegurando assim além da utilização de diversos processos e métodos, um melhor aproveitamento do material gerado durante o desenvolvimento do seu projeto, conferindo assim maior usabilidade, confiabilidade e maior desempenho nos resultados.

Dessa forma, nossa empresa trabalha com equipes distintas para cada projeto, sendo todos profissionais com habilidades técnicas específicas e total comprometimento para garantir que todos os sistemas ou aplicações sejam entregues dentro do prazo previsto no cronograma, além de permitir o acompanhamento e validação de cada release do projeto por parte do cliente.

 

 

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO

Nosso objetivo consiste na aplicação de conceitos da indústria em geral em ambientes de desenvolvimento de software, de forma a aumentar a produtividade e diminuir prazos, utilizando as melhores práticas criadas para o processo de desenvolvimento, testes e manutenções dos softwares.

 

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO FAROMIDIA
1. Requisitos2. Análise e prototipação3. Código4. Layout5. Validação e testes6. Deploy (implantação)
Nesta fase, trabalhamos para determinar os pré-requisitos necessários à demanda e inicia-se o desenvolvimento de um plano de projeto para atender a esses requisitos. Alguns dos resultados desta fase incluem um sistema de documento de requisitos, contendo os objetivos e alternativas, estimativas, bem como a identificação das restrições e riscos.

    • Coleta dos requisitos: é realizada a comunicação com os clientes e usuários para determinar quais serão os requisitos do software.
    • Análise de requisitos: define o estado das informações coletadas para determinar se existe ambiguidades, contradições, requisitos ocultos ou incompletos e resolve estes problemas.
    • Registros dos requisitos: é realizada a documentação dos requisitos com casos de uso, linguagem natural, entre outras formas.
Por mais que o levantamento de requisitos por si só levante uma infinidade de informações que deverão estar dispostas na interface, é durante a interação real do usuário com o sistema que os detalhes realmente são percebidos.
Para projetar a experiência perfeita, a utilização de protótipos se faz a forma mais eficaz de simular essa interação, devendo ser feita ainda no período de concepção do sistema, evitando gastos dispendiosos de tempo e monetários
Para isso, nesta segunda fase realizamos a prototipação das principais interfaces o sistema com suas respectivas regras de negócio.
Nesta fase, inicia-se o ciclo de construção, alinhando o refinamento dos requisitos de projeto para start da produção. Alguns dos resultados desta fase incluem: pacote com funcionalidades desenvolvidas, engenharia de testes unitários e integrados, preparação da documentação, usando forma incremental, reforçando os ciclos subsequentes.
Nesta fase é que deve ser considerado, como o sistema funcionará internamente, para que os requisitos do cliente possam ser atendidos. Alguns aspectos que serão considerados nessa fase de projeto do sistema: arquitetura do sistema, linguagem de programação utilizada, Sistema Gerenciador de Banco de Dados (SGBD) utilizado, padrão de interface gráfica, entre outros.
Quando a abordagem de lidar com o produto ou serviço passa a ser pensada por meio de seu potencial em design, a estratégia começa a ser concentrada no usuário e na forma como ele irá utilizar o produto. Para que isso ocorra, profissionais de diferentes competências se unem focados no consumidor. O que faz com que o design tenha um poder transformador atualmente e seja tão atrativo é a capacidade de gerar valor relevante para as pessoas.
Nesta quarta fase , realizamos a aplicação do layout com design personalizado e único buscando criar uma identidade visual para o seu negócio. O cliente poderá acompanhamento e aprovar o andamento, garantindo assim a sua satisfação.
Testar nada mais é do que a maneira mais eficiente de verificar se algo está se comportando de forma correta. Para testarmos seu projeto, utilizamos 03 etapas:

  • Verificação: A verificação tem o objetivo de avaliar se o que foi planejado realmente foi realizado. Ou seja, se os requisitos e funcionalidades documentados foram implementados.
  • Validação: Tem o objetivo de avaliar se o que foi entregue atende as expectativas do cliente. Ou seja, se os requisitos, independente do que foi planejado, estão sendo implementados para atender a regra de negócio do cliente.
  • Teste: O teste de software é considerado uma técnica dinâmica de verificação e validação, pois o software é executado com dados de teste e seu comportamento é analisado verificando assim se os resultados obtidos são satisfatórios.
Nesta fase, concluímos os preparativos finais para o Gol-live da solução e serviços contratados. Alguns dos resultados desta fase incluem os testes de integração completa, homologação de aceite, implantação, treinamento dos colaboradores.